IPv6: Tudo o que você precisa saber sobre a nova tecnologia.

Itápolis Air Show 2020, transmissão totalmente online.
03/09/2020
Ensy, a plataforma de ensino online da C-lig.
02/10/2020

O que é IPv6? Saiba mais sobre o funcionamento e as mudanças trazidas pelo novo protocolo de internet que vai substituir o IPv4

IPv6: Tudo o que você precisa saber.

Após o esgotamento da tabela de endereços IPv4 ocorrido em 2011, houve muita especulação sobre o que aconteceria com o funcionamento da internet no mundo. Mas uma das alternativas para contornar o problema da falta de endereços IPs na internet, foi a criação do protocolo IPv6. Neste artigo responderemos o que é IPv6, suas características principais e se você vai precisar comprar novos aparelhos para usar a internet.

O que é IPV6?

IPv6 é o novo protocolo de internet oficializado em 2012 pela IETF ( Internet Engineering Task Force) conhecido aqui como Força-Tarefa de Engenharia da Internet. Esse protocolo tem como característica, a capacidade de suportar uma quantidade de endereços de IP muito maior do que o IPv4.

Diferente do seu antecessor que utilizava um endereço de 32 bits composto por 4 números, de 0 a 255. O IPv6 utiliza um endereço de 128 bits, representado por 8 grupos com 4 dígitos. Bem como, o IPv6 permite mais de 340 Undecilhões de endereços, cerca de 75 trilhões a mais do que a quantidade permitida pelo IPv4. Ou seja, não vamos esgotá-los em um futuro muito próximo.

Quando os IPs v4 acabarem, vou perder minha conexão?

Você vai continuar navegando tranquilamente na rede usando o IPv4, pois todos os servidores devem estar configurados para aceitar os dois protocolos.

A única coisa que vai acontecer quando não houverem mais IPv4 para distribuir é uma queda no crescimento da Internet. Mas, claro, se os provedores do mundo todo não tenham implementado o IPv6.

Vou precisar mudar alguma coisa no meu roteador?

A princípio não será necessário mudar nada no roteador, a menos que você queira fazer com que sua rede interna use IPv6, não vai ser necessário fazer nenhuma mudança no seu roteador, seja ele de LAN ou WAN. Para saber se o novo tipo de endereçamento é suportado no seu roteador, a melhor maneira é procurar a fabricante do equipamento. Caso seu roteador seja antigo, talvez não possua suporte à nova tecnologia.

De qualquer forma, a rede interna em IPv6 só vai funcionar se todos os seus computadores suportarem o novo protocolo de endereçamento e também se o seu provedor te der um IPv6.

Como o novo protocolo IPv6 não suporta NAT, cada dispositivo conectado recebe um IP real, com o qual se conecta na internet. Ele vai ser gerado de acordo com esse endereço, que deve permitir mais de 65 mil subredes.

Precisarei de um modem novo?

Depende da sua provedora de internet. Elas terão duas alternativas quando precisarem oferecer o IPv6 para seus clientes. A primeira é criar um sistema de tunnel broker, em que você navega com IPv6 mas através de um endereço IPv4.

A segunda é substituir os modems que não suportam o novo endereçamento, por modems mais novos que sejam compatíveis com o novo protocolo.

Quero testar esse IPv6, como faço?

Existem muitos sites que fazem o teste para ver se a sua conexão aceita IPv6.

A nova tecnologia, além de ser um protocolo que permite um número muito maior de conexões, também oferece maior segurança aos usuários, pois foi projetado para ter criptografia por toda conexão, dificultando que a conexão seja interceptada por terceiros.

Embora o processo de implementação do IPv6 esteja sendo lento, haverá muito tempo até que seja necessário criar um novo protocolo para aumentar a quantidade de IPs para internet. Durante esse período, o protocolo pode ser aperfeiçoado para garantir mais velocidade e segurança aos usuários.

Mas se você quiser ler mais conteúdos interessantes como este, clique em Voltar para o Blog!